Em ação integrada, polícias da PB e RJ prendem integrante do Comando Vermelho em João Pessoa

Em ação integrada, polícias da PB e RJ prendem integrante do Comando Vermelho em João Pessoa

O trabalho integrado da Polícia Civil da Paraíba e da Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta sexta-feira (22) Luiz Cláudio Sant´Anna , 57 anos, conhecido por ‘Lico’, apontado como chefe de uma organização criminosa naquele estado. De acordo com a Polícia, Luiz Cláudio foi condenado a mais de 100 anos de prisão e já havia cumprido 30 anos de pena em regime fechado, semi-aberto e aberto, residindo por cinco anos na Paraíba cinco anos, de onde ainda continuava a administrar o tráfico de armas e drogas na cidade de Niterói (RJ), especificamente no Complexo do Viradouro. Ele foi preso em um condomínio no bairro de Tambaú, Capital.

 

Contra Lico, há 42 anotações de antecedentes criminais pela prática de condutas previstas nos artigos 121 (treze, distintas), 129, 146, 155, 157 (treze, distintas) 159, 168, 180, 213 (duas), 253, 288 (cinco, distintas), 304 (três anotações distintas) do Código Penal Brasileiro (CPB). Além disso, ainda responde pelos artigos 12 (três anotações), 14 e 16 da Lei 6.368/76, no artigo 10 da Lei 9.437/97, nos artigos 33 e 35 da Lei 11.343/06 e artigo 1º da Lei 9.613/98.

O homem estava foragido da Justiça, em virtude de ordem de prisão preventiva, expedida pela comarca de Niterói e, segundo a Polícia, é violento, e integrante do primeiro escalão do grupo criminoso denominado Comando Vermelho. Na Paraíba, ele se dedicava à pintura de óleo sobre tela e participava de exposições, assinando as obras como Luiz Águia.

Durante a prisão, ainda foi verificado que Luiz Cláudio portava diversos documentos falsos. O material foi apreendido e o preso será conduzido ao Rio de Janeiro.