Homem é preso em flagrante furtando fios de linhas telefônicas e de internet em Campina Grande

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande, em um trabalho integrado com o Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar, prendeu nesta sexta-feira (8) Lucinaldo Justino, de 37 anos, no momento em que ele estava furtando fios de telefone no bairro do Catolé, em Campina Grande.

Lucinaldo Justino foi flagrado com o armário de distribuição das linhas telefônica na cabeça e não conseguiu fugir da polícia, mas um comparsa dele conseguiu escapar. “Recebemos a informação de que havia uma dupla que estava furtando os fios no bairro do Catolé e fomos até lá. Ao chegarmos, um deles conseguiu se evadir do local, mas o outro foi pego em flagrante ainda com a caixa completa de telefonia na cabeça, sendo preso em flagrante e levado para prestar depoimento na delegacia, onde foi autuado por furto qualificado e depois conduzido para o presídio do Serrotão”, disse o delegado Cristiano Santana.

A fiação do armário que foi furtado atendia a mais de mil usuários de internet e telefone e muitos moradores do bairro do Catolé vinham apresentando reclamações à polícia. Segundo o delegado Cristiano Santana, os bandidos utilizavam os fios para a retirada do cobre, que depois seria comercializado. “Ainda estamos investigando quem faria a receptação do material. Provavelmente, o cobre seria vendido para sucatas e vamos continuar as investigações, tanto para prender o comparsa que fugiu quanto para identificar os receptadores”, destacou.

Para chegar aos suspeitos de praticarem roubo ou furto a Polícia vem contando com o apoio da população por meio de denúncias feitas pessoalmente ou pelo disque-denúncia. “A população pode e deve fazer as denúncias. Se não quiser se identificar basta ligar para o disque-denúncia pelo número 197. O sigilo é garantido e a identidade do denunciante sempre será preservada”, concluiu.