Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra foragido da Justiça e prende suspeito de vários assaltos em Esperança

Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra foragido da Justiça e prende suspeito de vários assaltos em Esperança

A Polícia Civil cumpriu, na manhã desta quinta-feira (24), um mandado de prisão contra Vagner Firmino da Silva, suspeito de comandar o tráfico de drogas na cidade de Areial no Agreste Paraibano. A ação policial contou com a ajuda do serviço 197 Disque Denúncia da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (SEDS). A partir da informação do denunciante, começou o trabalho investigativo desenvolvido pelo Grupo Tático Especial (GTE) da 12ª Delegacia Seccional de Esperança, e os policiais descobriram que Vagner, que já está recolhido no Presídio cumprindo pena por roubo, estava com um mandado de prisão em aberto por homicídio. Ele também tem uma ligação com um homem conhecido como Amauri, preso na sexta feita (18) em um desmanche de carros em Areial.

“Um trabalho investigativo importante. Agora Vagner, além de cumprir a pena por roubo, também terá que responder pelo homicídio atribuído a ele como determina a Justiça. Mas a nossa investigação continua para descobrir se ele tem envolvimento no roubo e desmanche de veículos na região, já que encontramos uma ligação dele com Amauri, dono de um desmanche de carros, preso na semana passada”, disse o delegado seccional de Esperança, Henry Fabio.

Mais prisões – Também na manhã desta quinta-feira (24), policiais da Delegacia de Esperança, em conjunto com o Grupo Tático Especial (GTE) da 12ª, autuaram em flagrante Robson Santos Silva. A prisão aconteceu depois que uma mulher vítima de um assalto procurou a delegacia e informou as características do suspeito para os policiais.

Segundo a vitima, ela estava caminhando pela rua quando o homem chegou numa moto e anunciou o assalto apontando uma arma para ela. Ele roubou o aparelho celular e depois fugiu. As características informadas pela mulher ajudaram na identificação do suspeito. Durante a abordagem, os policiais encontraram alguns celulares com Robson. Um deles foi reconhecido pela vítima como sendo o que foi roubado dela. Ela também identificou Robson como o responsável pelo assalto.

Robson já tinha sido denunciado por outras vítimas de assalto. Segundo elas, todas foram abordadas por um homem em uma moto. Ele costumava escolher as vítimas que caminhavam sozinhas pelas ruas da cidade, o que facilitava a ação, que era rápida e não permitia a identificação dele. Mas, por um descuido, Robson deixou à mostra parte do rosto, que a vítima memorizou e ajudou na identificação por parte da policia e na prisão do suspeito que foi autuado por roubo qualificado. Robson vai aguardar no Presídio pela decisão da Justiça.