Polícia Civil impede arrombamento a caixa eletrônico em João Pessoa

Polícia Civil impede arrombamento a caixa eletrônico em João Pessoa

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do trabalho da equipe da Delegacia de Crimes contra o Patrimônio (Roubos e Furtos) de João Pessoa, conseguiu frustrar mais uma ação de criminosos contra instituições bancárias na madrugada da segunda-feira (7). Na ocasião, foi preso em flagrante Adriano Marques Santana, de 21 anos, e apreendidos armas, espingardas e ainda um maçarico e outros materiais usados em arrombamentos de caixas eletrônicos.

De acordo com o titular da especializada, delegado Walter Brandão, o trabalho aconteceu no bairro do Cabo Branco, logo após os investigadores seguirem um veículo. “Recebemos a informação de que um grupo usaria um carro de luxo e pretendia arrombar um caixa eletrônico no bairro de Jaguaribe e nossos investigadores os seguiram. Os criminosos foram surpreendidos por um carro da Polícia Militar e resolveram deixar o local e se deslocaram para a orla do Cabo Branco, onde os policiais da Roubos e Furtos fizeram a abordagem ao carro. No momento da prisão, quatro pessoas conseguiram fugir e nós prendemos o Adriano em flagrante com as armas, pistolas, espingardas e ainda o material que seria usado no arrombamento”, disse o delegado Walter Brandão.

A delegada adjunta da especializada, Júlia Valeska, acrescentou que o preso faz parte de um bando que executava esse tipo de crime e que as outras pessoas foragidas estão sendo investigadas e mais prisões podem acontecer. “Nós interrogamos o Adriano e ele relatou que não conhece todos os criminosos que estavam na ação, só conhece apenas um, que foi quem o chamou para participar do assalto. Estamos levantando informações, colhendo depoimentos e mais pessoas podem ser presas”, ressaltou Júlia Valeska.

Adriano Marques vai responder pelos crimes de assalto qualificado, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e ainda associação criminosa. Ele vai ficar à disposição das decisões do Judiciário.