Polícia prende cinco pessoas envolvidas em roubo de joias em João Pessoa

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do Grupo de Operações Especiais (GOE), prendeu cinco pessoas suspeitas de envolvimento em assaltos a pessoa e também a instituições bancárias em João Pessoa. Foram presos: Paulo Laudelino Ferreira, Tarcísio Barbosa da Silva, Andrés da Silva Marino, Fabiano Vieira do Amaral e Valter Luís Brito, no fim da tarde desta quinta-feira (15), no Centro e nos bairros dos Novais e das Indústrias.

Segundo o delegado titular do GOE, Allan Terruel, os presos formam uma quadrilha especializada em roubar ouro e joias, além de praticarem a chamada ‘saidinha de banco’. “Há 15 dias começamos a investigar essa quadrilha, já que eles vinham agindo em roubos a pessoas, que eram escolhidas aleatoriamente no centro da cidade e em outras localidades da Capital. Eles as assaltavam, levando correntes de ouro, relógios e outros bens. Começamos as diligências e a abordagem aos suspeitos foi realizada no Parque Solon de Lucena, na região Central de João Pessoa”, disse o delegado.    

O delegado informou ainda que pessoas que tiveram joias roubadas nos últimos meses poderão comparecer à sede do GOE para reconhecer os suspeitos e identificar os pertences roubados. Com o grupo foram apreendidos: revólver, pistola .40, espingarda, botas, coturnos, dinheiro, duas dinamites, balança de precisão, relógios e correntes de ouro. Os presos foram ouvidos e em seguida foram submetidos às decisões da Justiça.