Polícia prende empresário por fraudar venda de veículos de luxo em Natal

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações da Capital, em parceria com a Polícia Civil do Rio Grande do Norte, prendeu nesta quinta-feira (29), no bairro do Bessa, em João Pessoa, o empresário José Edson da Silva, 50 anos, suspeito de transações fraudulentas envolvendo a compra e venda de veículos de luxo em Natal (RN). O prejuízo chega a mais de R$ 2 milhões.

    

Segundo o delegado Ragner Magalhães, da Delegacia de Defraudações e Falsificações, o empresário pretendia expandir o negócio também para João Pessoa. “Com José Edson a Polícia apreendeu quatro carros de luxo, com destaque para a I/RL Evoque Dynamic 5D, de série limitada, com poucas unidades no Brasil. O empresário é suspeito de negociações fraudulentas de veículos em Natal (RN), causando prejuízo superior a R$ 2 milhões”, destacou.

Ainda segundo o delegado Ragner Magalhães, sua equipe de investigação constatou que existia a possibilidade de expansão das fraudes pela Paraíba, em especial nas cidades de João Pessoa e Campina Grande. “O Inquérito Policial tramita na Delegacia de Defraudações de Natal, em decorrência da ‘Operação Retina’, de tal forma que a atuação da Delegacia de Defraudações de João Pessoa consistiu no cumprimento dos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão de quatro veículos na Capital em parceria com a Polícia Civil do Rio Grande do Norte”, explicou o delegado.

“O cumprimento da prisão e das buscas será comunicado ao Juiz da Vara Criminal da Capital e o preso ficará recolhido na Central de Polícia, sendo encaminhado em seguida para Natal, onde deverá ficar à disposição do Juiz de Direito da 5ª Vara Criminal da Comarca de Natal”, explicou.