Polícia prende homem suspeito de estuprar três mulheres em Campina Grande

  Polícia prende homem suspeito de estuprar três mulheres em Campina Grande

Policiais civis da Delegacia de Repressão a Crimes contra Criança e Adolescente, com o apoio da Delegacia da Infância e da Juventude de Campina Grande, prenderam nessa segunda-feira (25) Victor Emanuel Gomes Barbosa, 34 anos, suspeito de praticar três estupros. Uma das vítimas é uma adolescente de 17 anos. A prisão de Victor Emanuel foi realizada na empresa onde ele trabalha no Distrito Industrial.

A polícia chegou até o suspeito depois que uma das vítimas de estupro foi até a delegacia e informou as suas características físicas. A partir dessas informações, os agentes começaram as buscas pelos locais onde o estuprador estava agindo. Ele foi procurado durante vários dias até que uma mulher abordada por ele no domingo conseguiu escapar sem ser violentada e deu novas pistas sobre o paradeiro do suspeito.

Os policiais foram até o local onde a mulher foi atacada pelo estuprador e viram quando um homem com as mesmas características repassadas pelas vítimas estava chegando a uma empresa. O carro que ele estava também se assemelhava ao mesmo usado pelo suspeito dos estupros. Victor Emanuel foi abordado pelos policiais e encaminhado para a Delegacia. Na Central de Policia ele confessou os crimes registrados e outros dois casos que ainda estão sendo investigados.

 “As investigações começaram no primeiro caso, seguindo as informações das próprias vítimas. Alguns detalhes foram observados no decorrer dos trabalhos, entre eles o de que o suspeito sempre usava o mesmo veículo e teria levado as vítimas para o mesmo local, o Sitio Lucas. O registro das ocorrências e as informações repassadas por elas foram muito importantes para identificar e prender o suspeito”, disse o delegado seccional de Campina Grande, Iasley Almeida, durante entrevista coletiva.

Na sede da 10ª Delegacia Seccional, o suspeito foi reconhecido pelas três vítimas. “Além de afirmar que Victor Emanuel foi quem praticou os estupros, as mulheres também contaram que durante a prática da violência sexual foram ameaçadas de morte, amarradas e espancadas”, falou  a delegada Alba Abrantes, responsável pelas investigações. Victor foi indiciado pela prática de estupro e encaminhado para o Presídio do Serrotão. A delegada acredita que a prisão dele pode encorajar outras mulheres a procurem a delegacia para fazer a identificação de Victor Emanuel, já que ele mesmo confessou ter praticado outros estupros além dos que já estão investigados pela polícia.