Polícia prende homem suspeito de tentativa de homicídio em Campina Grande

Polícia prende homem suspeito de tentativa de homicídio em Campina Grande
A Polícia Civil por meio do Núcleo Especializado em Repressão a Tentativas de Homicídios  (NERTHO)da 10ª Delegacia Seccional de Campina Grande no agreste da Paraíba, prendeu em flagrante na manhã de hoje (21) o comerciante Leonardo Freitas de Sousa, 50 anos. Ele é suspeito ter praticado o crime de tentativa de homicídio na noite dessa segunda feira (20) contra Adenilson Araujo Cruz.
 O crime aconteceu na casa de Leonardo. De acordo com informações o suspeito e a vítima passaram toda a tarde bebendo e de uma hora pra outra começaram a discutir e entrar em luta corporal. Em um determinado momento Leonardo pegou uma faca e desferiu um golpe de faca no peito da vítima. Depois de praticar o crime ele fugiu deixando o amigo no chão. Pessoas que moram próximo a casa do suspeito ligaram para o Samu e Adenilson foi levado para o Hospital.
Assim que a polícia tomou conhecimento do caso foi até o Hospital de Trauma de Campina Grande, para onde a vítima tinha sido socorrida e estava internada. No momento em que os agentes de investigação estavam colhendo informações para comprovar a historia de que o crime teria sido praticado por Leonardo, recebeu uma informação repassada para o número 197 Disque Denúncia da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Sesds).
Segundo a ligação anônima Leonardo também teria dado entrada no Hospital de Trauma e na hora da triagem para justificar os ferimentos no corpo informou que teria sofrido um acidente de trânsito, mas quando os policiais do NERTHO chegaram ao local o acusado já tinha passado pelo ambulatório e como os ferimentos foram só superficiais ele foi liberado depois da consulta médica.
Diante disso os policiais continuaram as diligências para localizar o paradeiro do acusado, e após um longo período de campana conseguiram encontrar Leonardo no bairro da Liberdade. Ele foi conduzido à delegacia de polícia para lavratura do procedimento policial de tentativa de homicidio, durante a oitiva também foi dado cumprimento a mandado de prisão definitiva em decorrência de uma sentença da Justiça que condenou Leonardo a 14 anos e 04 meses por homicídio simples.
Leonardo Feitas está recolhido na carceragem da Central de Polícia de Campina Grande no bairro do Catolé. Ele será encaminhado para audiência de custódia nessa quarta feira (22), mas como já tem uma sentença de prisão definitiva expedida pela Justiça, Leonardo será levado em seguida para o Presídio do Serrotão.