Polícia prende segundo suspeito de latrocínio ocorrido em Santa Rita

Polícia prende segundo suspeito de latrocínio ocorrido em Santa Rita

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do Núcleo de Homicídios da Delegacia de Santa Rita, deu cumprimento nesta quinta-feira (28), a mandado de prisão preventiva em desfavor de Laércio Alves dos Santos, 24 anos, suspeito de ter assassinado a tiros Levi Moura da Silva. Segundo o delegado Alexandre Fernandes, o latrocínio - roubo seguido de morte - aconteceu no dia 7 de dezembro do ano passado, na Praça das Vitórias, localizada no Alto das Populares, em Santa Rita. Outro suspeito de ter participado do crime, Thiago Araújo do Nascimento, já havia sido preso no último sábado (23) pela Polícia Militar, também por força de mandado de prisão preventiva.

De acordo com as investigações coordenadas pelo delegado Alexandre Fernandes, o suspeito Laércio Alves dos Santos sabia que a vítima tinha recebido certa quantia em dinheiro e, por isso, tramou contra a vítima. “Laércio tentou, com uso de violência e grave ameaça, subtrair o valor da vítima, mas não logrou êxito na primeira investida. Daí ele fez contato com Thiago da Chatuba para ajudá-lo a cometer o crime na segunda tentativa”, disse.

Ainda segundo as investigações, a vítima teria reagido ao assalto e, por este motivo, foi morta pelos suspeitos. “Ao avistarem a vítima os suspeitos a abordaram e, após reação dela, efetuaram disparos de arma de fogo com o objetivo de concretizarem o roubo. A vítima faleceu no local e os suspeitos levaram dinheiro e uma corrente de prata”, relatou o delegado.

O delegado Everaldo Medeiros, da 5ª Seccional, em Santa Rita, destacou o empenho do Núcleo de Homicídios no combate aos crimes violentos letais intencionais e crimes violentos patrimoniais. “É importante destacar o empenho de todos os policiais na diminuição da criminalidade do município, e também do trabalho integrado das forças policiais com o Poder Judiciário e Ministério Público”, concluiu.