Polícia prende suspeitos de integrar grupo criminoso e balear policial em Pocinhos

Polícia prende suspeitos de integrar grupo criminoso e balear policial em Pocinhos

Uma ação conjunta das Polícias Civil e Militar da Paraíba prendeu dois homens, uma mulher, e ainda apreendeu dois adolescentes na cidade de Pocinhos, na região do Cariri paraibano. Todos são suspeitos de integrar uma quadrilha responsável por homicídio, porte de arma de fogo, tráfico de drogas, tentativas de homicídio. A ação policial foi iniciada na tarde dessa terça-feira (3) e finalizada na manhã desta quarta-feira (4).

Foram presos, em cumprimento a mandados de prisão expedidos pela Justiça, Josiclaudio de Lima Policardo, 20 anos, Laércio Mendonça de Almeida, 23 anos, e Liona Guedes Silva, 37 anos, e ainda foram apreendidos dois adolescentes de 16 e 17 anos.  

De acordo com o delegado do Núcleo de Homicídios de da Cidade de Esperança, Jorge Luiz Almeida, a Polícia Civil chegou aos suspeitos após investigação minuciosa. “Além de diversos crimes, os cinco ainda são investigados como partícipes do crime ocorrido no dia 23 de abril, no Centro de Pocinhos, quando um policial civil foi atingido por disparo de arma de fogo”, explicou a autoridade policial.

Com o grupo criminoso, a polícia aprendeu maconha, crack, dois carregadores, uma pistola 380, uma espingarda calibre 28, utilizada nos crimes, munição calibre 12, 40 munições 380, um colete balístico e produtos que a Polícia acredita ser fruto de roubos: uma televisão e celulares.

Os presos foram autuados por organização criminosa, homicídio, tráfico de drogas, porte de arma de fogo e tentativa de homicídio. Após serem ouvidos, foram transferidos para a Cadeia Pública da cidade onde ficarão à disposição da Justiça. Já os adolescentes foram conduzidos para o Lar do Garoto, onde serão acompanhados pelo Conselho Tutelar.