Polícias da PB e RJ prendem suspeito de homicídio procurado há dez anos

Polícias da PB e RJ prendem suspeito de homicídio procurado há dez anos

A Polícia Civil da Paraíba, por meio de uma ação conjunta com a Polícia Civil do Rio de Janeiro, conseguiu prender Henrique Floripe da Cunha Pessoa Filho, 32 anos, suspeito de ser autor de um homicídio qualificado ocorrido no ano de 2004, em João Pessoa. A ação policial aconteceu na sexta-feira (11), quando Henrique foi preso no bairro Rosa dos Ventos, em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense, em cumprimento a mandado de prisão expedido pelo Poder Judiciário paraibano, suspeito da autoria do assassinato que vitimou Adriano Pereira de Andrade, seu vizinho. 

Segundo as investigações, na data do crime, Adriano teria ouvido gritos e percebeu que Henrique estava agredindo a sua então companheira. Contudo, ao tentar interceder e separar os dois, foi atingido pelo agressor com um golpe de chave de fenda no olho, o que causou a sua morte. 

O delegado geral de Polícia Civil da Paraíba, João Alves de Albuquerque, destacou que a prisão aconteceu por conta da integração entre os Sistemas de Inteligência da Polícia Civil paraibana e do Rio de Janeiro. “A troca de informações em tempo real sobre a localização do suspeito foi peça chave para a prisão desse homem foragido e procurado pelos órgãos de Segurança Pública há mais de dez anos, quando o mandado de prisão foi expedido. Frisa-se também o empenho da Polinter do Rio de Janeiro no cumprimento dessa ordem judicial”, pontuou. 

Ainda de acordo com João Alves, Henrique Floripe da Cunha Pessoa Filho permanece no Rio de Janeiro e assim que sua transferência for autorizada ele será encaminhado para o Sistema Prisional paraibano.