Polícias realizam Operação Maria Bonita em Sousa e desarticulam quadrilha envolvida em explosões de banco no Estado

Polícias realizam Operação Maria Bonita em Sousa e desarticulam quadrilha envolvida em explosões de banco no Estado

Uma Operação Integrada das Polícias Civil e Militar da Paraíba  prendeu 10 adultos e apreendeu três adolescentes, entre eles, duas meninas. Todos são suspeitos de integrarem uma quadrilha envolvida em explosões de instituições bancárias no Estado. A ação policial recebeu o nome de ‘Maria Bonita’ e ocorreu na cidade de Sousa, na manhã desta sexta-feira (02).

De acordo com o delegado titular da 19ª seccional, com sede na cidade de Sousa, Ilamilton Simplício, foram presas três mulheres adultas, inclusive uma delas é apontada como a chefe do esquema criminoso. Rafaela Fernandes Marcolino, de 29 anos, foi presa em flagrante em um apartamento no centro da cidade. As outras prisões ocorreram em casas localizada na zona rural da cidade. “Durante as investigações, levantamos que a Rafaela era muito bem articulada com outros criminosos do Nordeste. Ela já responde um processo por assalto na cidade de Pombal”, revelou a autoridade policial.

Na operação Maria Bonita foram apreendidos: rifle, fuzil, espingardas calibre 12, pistola, revólveres, duas balanças de precisão, seis baldes com grampos e ainda maconha e cocaína. Os presos foram encaminhados para a delegacia seccional de Sousa, onde prestarão depoimentos. Eles vão responder pelos crimes: Associação criminosa, porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e corrupção de menores. Os adultos aguardarão as decisões da Justiça, após a audiência de custódia e os adolescentes serão encaminhados para abrigos de recuperação no Estado.