Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Governador encaminhar Projeto de Lei à Assembleia Legislativa que propõe a reestruturação administrativa e financeira da Polícia Civil da Paraíba.

Notícias

Governador encaminhar Projeto de Lei à Assembleia Legislativa que propõe a reestruturação administrativa e financeira da Polícia Civil da Paraíba.

João Azevedo também assinou decreto que cria as Delegacias de Roubos e Furtos de Patos (PB) e de Combate à Corrupção no Estado

Em solenidade realizada na manhã desta terça-feira (27) na sede da Acadepol, em João Pessoa, o governador João Azevedo assinou decreto que cria as Delegacias de Roubos e Furtos de Patos (PB) e de Combate à Corrupção no Estado, atendendo aos propósitos do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), além de encaminhar Projeto de Lei à Assembleia Legislativa que propõe a reestruturação administrativa e financeira da Polícia Civil da Paraíba.

O evento foi em comemoração aos 38 anos de fundação da Polícia Civil e contou com a presença de diversas autoridades, entre elas o Secretário Jean Nunes, o delegado geral Isaías Gualberto, o diretor da Acadepol, Severiano Pedro e o comandante geral da Polícia Militar, Coronel Euler Chaves.

Ainda durante a solenidade foram entregues a medalha governador “Tarcísio de Miranda Burity”, que é a comenda mais alta da Polícia Civil da Paraíba, a pessoas que que prestaram relevantes serviços à Instituição, e entregues certificados de conclusão a alunos dos cursos profissionalizantes do Projeto Criança Cidadã, mantido pela Acadepol.

João Azevedo destacou os resultados que a Segurança Pública tem dado para o Estado. “A Segurança Pública tem dado resultados excelentes para a Paraíba, tem dado demonstrações claras da competência e do compromisso. Os Decretos que estamos assinando hoje vão na direção de oferecer condições de trabalho cada vez melhores e serviços também cada vez melhores para a população. A criação dessas delegacias e a autonomia administrativa e financeira da Polícia Civil era uma reivindicação antiga e que agora estamos concretizando”, disse.

O secretário Jean Nunes falou que a Delegacia de Roubos e Furtos de Patos vem atender a uma necessidade para a região do sertão que não contava com uma delegacia especializada nessa área. “Isso é uma construção que vem sendo feita desde o início do ano, quando criamos a força tarefa para combates crimes como roubo a bancos e carros fortes. A competência de investigação desse tipo de crime é das delegacias de roubos e furtos, que só tinha na Capital e em Campina Grande, mas não tinha no sertão. Agora estamos ocupando essa lacuna para complementar essa parte investigativa e para dar suporte à investigação de crime violento patrimonial na região do sertão”, destacou.

Já o delegado geral, Isaías Gualberto, destacou que a instituição vem conseguindo resultados positivos por vários anos consecutivos e isso credencia a Polícia Civil a conquistar novos horizontes.

“Hoje é um dia histórico para a Polícia Civil, momento em que completa 38 anos de fundação e o governador João Azevedo assina Projeto de Lei que lhe dá autonomia financeira. É um marco histórico, pois nesse primeiro semestre temos resultados fantásticos na parte operacional e também administrativa. Na parte operacional nós temos 22% de redução nos crimes violentos letais intencionais (homicídios), redução nos crimes patrimoniais com 60% de redução nos crimes contra instituições financeiras e de 80% de explosão de caixa eletrônico. Além disso, na parte administrativa, nós estamos constituímos um sistema de recursos humanos, de controle de armamento e logística e também expandimos o sistema de procedimentos policiais, onde está sendo trabalho o Inquérito Policial Eletrônico”, finalizou

Acessar


Esqueceu sua senha?
Voltar para o topo
Secretaria de Estado da Comunicação Institucional